Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos
Início do conteúdo

Neste ano atípico de pandemia e dificuldades, nada melhor do que aproveitar os descontos ofertados na Black Friday

Publicação:

Por Giovanna Sommariva/ASCOM

Neste ano atípico de pandemia e dificuldades, nada melhor do que aproveitar os descontos ofertados na Black Friday. Buscando auxiliar a população durante este dia, a Analista Jurídica do Procon RS, Carline Raddatz, fez uma lista com algumas recomendações para te ajudar a evitar qualquer inconveniente.

1. Sempre compare os preços com outros sites/lojas para confirmar se realmente estão com descontos.

2. Utilize o aplicativo Menor Preço Nota Gaúcha para pesquisar, é confiável e foi concretizado pela Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz) e Procon/RS.

3. Escolha uma loja na qual você já tenha comprado ou que possua boas referências.

4. Em caso de compras online, certifique-se de que são informados dados como endereço físico, telefone, e-mail e CNPJ da loja.

5. Faça uma pesquisa na internet sobre a reputação da empresa. O Procon-SP mantém uma lista com os sites que devem ser evitados para compras, devido ao histórico de reclamações e ao fato de não terem sido localizados para solucionar as queixas de consumidores. É possível acessá-lo clicando aqui.

6. Evite clicar em anúncios que chegam por e-mail. A maneira mais segura é digitar o endereço da loja para procurar o produto desejado.

7. Desconfie sempre de descontos mirabolantes.

8. Faça um "printscreen" das telas do computador, do pedido e do pagamento para documentar os passos da sua compra.

9. Como os estoques dos produtos costumam ser limitados, recomenda-se que as compras sejam feitas rapidamente, sem adiamentos.

10. O fato de colocar o produto no carrinho de compras virtual não significa que ele esteja garantido, ou seja, a reserva somente será feita mediante o preenchimento dos dados de pagamento para a geração do pedido. Fique atento!

11. No momento do pagamento, analise se deseja fazer o pagamento com boleto ou cartão de crédito. O pagamento à vista, com o uso de boletos bancários, pode garantir mais descontos.

12. Verifique o prazo de entrega, pois durante promoções os prazos podem ser maiores do que o normal.

Troca de produtos com defeito

No caso de compras pela internet, existe o prazo de 7 dias de arrependimento, contados a partir do recebimento do produto. No caso de compras em loja física, há uma liberalidade por parte do fornecedor em realizar a troca. Do contrário, o procedimento padrão é encaminhar o produto para a assistência técnica autorizada, para análise que deve ser realizada em até 30 dias, contados da ordem de serviço. Caso ultrapasse este prazo, ou seja, é inviável o conserto, o consumidor poderá exigir sua troca por outro produto, a devolução integral da quantia paga ou até o abatimento proporcional do preço.

Reclamações

Podem ser feitas pelo site do PROCON RS. Em caso de consumidor que não possua uma sede do Procon em sua cidade, procure pelos Procons Municipais.

PROCON RS